Ajuda na alteração do sistema de coordenadas

classic Classic list List threaded Threaded
17 messages Options
Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Ajuda na alteração do sistema de coordenadas

Susana Serrazina
Boa tarde,

Acabei de me registar nesta lista de discussão. Sou utilizadora recente do qgis e estou com alguma dificuldade em sobrepor todas as camadas no mesmo sistema de coordenadas.
Pretendo alterar o sistema de coordenadas WGS84 EPSG:4326 para ETR89/POrtugal TM06 EPSG:3763.
Nas camadas vetoriais consigo fazer essa alteração sem qualquer problema a dificuldade está na imagem satélite da web bing. 
É possível fazê-lo? Quais os passos para essa alteração?

Antecipadamente grata,
Com os melhores cumprimentos
Susana Serrazina

_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Re: Ajuda na alteração do sistema de coordenadas

Bruno Moreira
É mesmo necessário? Penso que não se recomenda, dará origem a distorções.

No QGIS é possível ter ambos os sistemas com visualização “on the fly”.

Bruno Moreira.


No dia 13/03/2019, às 17:54, Susana Serrazina <[hidden email]> escreveu:

> Boa tarde,
>
> Acabei de me registar nesta lista de discussão. Sou utilizadora recente do qgis e estou com alguma dificuldade em sobrepor todas as camadas no mesmo sistema de coordenadas.
> Pretendo alterar o sistema de coordenadas WGS84 EPSG:4326 para ETR89/POrtugal TM06 EPSG:3763.
> Nas camadas vetoriais consigo fazer essa alteração sem qualquer problema a dificuldade está na imagem satélite da web bing.
> É possível fazê-lo? Quais os passos para essa alteração?
>
> Antecipadamente grata,
> Com os melhores cumprimentos
> Susana Serrazina
> _______________________________________________
> QGIS-pt mailing list
> [hidden email]
> https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Re: Ajuda na alteração do sistema de coordenadas

Susana Serrazina
Obrigada, Bruno
Contudo, não fiquei totalmente esclarecida. Vou tentar e pesquisar.

Em qua, 13 de mar de 2019 às 18:31, Bruno Moreira <[hidden email]> escreveu:
É mesmo necessário? Penso que não se recomenda, dará origem a distorções.

No QGIS é possível ter ambos os sistemas com visualização “on the fly”.

Bruno Moreira.


No dia 13/03/2019, às 17:54, Susana Serrazina <[hidden email]> escreveu:

> Boa tarde,
>
> Acabei de me registar nesta lista de discussão. Sou utilizadora recente do qgis e estou com alguma dificuldade em sobrepor todas as camadas no mesmo sistema de coordenadas.
> Pretendo alterar o sistema de coordenadas WGS84 EPSG:4326 para ETR89/POrtugal TM06 EPSG:3763.
> Nas camadas vetoriais consigo fazer essa alteração sem qualquer problema a dificuldade está na imagem satélite da web bing.
> É possível fazê-lo? Quais os passos para essa alteração?
>
> Antecipadamente grata,
> Com os melhores cumprimentos
> Susana Serrazina
> _______________________________________________
> QGIS-pt mailing list
> [hidden email]
> https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt

_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Re: Ajuda na alteração do sistema de coordenadas

Ricardo Pinho-3
In reply to this post by Susana Serrazina
Bem-vinda Susana!
Sim claro que consegue fazer tudo o que imagina e muito mais com o QGIS!!!
O QGIS permite fazer transformação de coordenadas em tempo real (on-the fly) de modo a que diferentes camadas em diferentes sistemas de coordenadas possam ser visualizadas devidamente sobrepostas na janela de visualização do QGIS. Para tal apenas tem de atribuir a cada camada o sistema de coordenadas correto, em que cada uma delas foi produzida.
Em alternativa o QGIS pode transformar (na opção "gravar como") uma camada do sistema de coordenadas em que foi produzido para outro que indicar nas opções de gravar como.
Para a comunidade poder ajudar é necessário que faça um esforço para dar o máximo de informação possível e minimizar o esforço que as pessoas dispostas a ajudar têm que despender. Se seguir este principio lógico, será mais fácil para todos.
Cumprimentos,
Ricardo Pinho

Susana Serrazina <[hidden email]> escreveu no dia quarta, 13/03/2019 à(s) 17:55:
Boa tarde,

Acabei de me registar nesta lista de discussão. Sou utilizadora recente do qgis e estou com alguma dificuldade em sobrepor todas as camadas no mesmo sistema de coordenadas.
Pretendo alterar o sistema de coordenadas WGS84 EPSG:4326 para ETR89/POrtugal TM06 EPSG:3763.
Nas camadas vetoriais consigo fazer essa alteração sem qualquer problema a dificuldade está na imagem satélite da web bing. 
É possível fazê-lo? Quais os passos para essa alteração?

Antecipadamente grata,
Com os melhores cumprimentos
Susana Serrazina
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt

_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Re: Ajuda na alteração do sistema de coordenadas

Bruno Moreira
Boa noite! A minha resposta anterior foi muito “sucinta” pois estava ao telemóvel. Contudo é como o Ricardo referiu.

- um projecto do QGIS tem um sistema de coordenadas definido (é o que aparece no canto inferior direito) que é o sistema no qual a informação é visualizada;
- cada camada que se adiciona pode ter o seu sistema específico; se for igual ao do projecto não acontece nada à informação, se for diferente a informação é transformada em tempo real (“on the fly”) pelo QGIS para o sistema de coordenadas do projecto (desde que a opção esteja activada nas definições do QGIS);
- pode-se transformar a informação de forma persistente (I.e. criar um novo ficheiro com novo sistema de coordenadas); algumas operações geo-espaciais requerem informação no mesmo sistema de coordenadas, mas se é para visualizar apenas (penso que é o caso) não é necessária a transformação persistente;
- transformar on-the-fly ou de forma persistente imagens raster (compostas por pixels, como as fotografias aéreas) é mais complicado que transformar camadas vectoriais, porque dará origem a deformações nos pixels;
- as fotografias aéreas do BING, Google, etc. são servidas num sistema de coordenadas global (WGS84) e transformar esta informação para um sistema local como o português ETRS... dará deformações e é desnecessário.

Em síntese!

1) criar um projecto QGIS;
2) inserir o mapa do BING (creio que estará a ser feito via plugin, quick map services?);
3) colocar o sistema de coordenadas do projecto em WGS84 (o do mapa raster do BING);
4) inserir a camada em ETRS...; com a transformação on the fly do QGIS activada, a informação (vectorial) será convertida sem problemas para WGS84.

Cumprimentos,
Bruno Moreira.

No dia 13/03/2019, às 20:12, Ricardo Pinho <[hidden email]> escreveu:

Bem-vinda Susana!
Sim claro que consegue fazer tudo o que imagina e muito mais com o QGIS!!!
O QGIS permite fazer transformação de coordenadas em tempo real (on-the fly) de modo a que diferentes camadas em diferentes sistemas de coordenadas possam ser visualizadas devidamente sobrepostas na janela de visualização do QGIS. Para tal apenas tem de atribuir a cada camada o sistema de coordenadas correto, em que cada uma delas foi produzida.
Em alternativa o QGIS pode transformar (na opção "gravar como") uma camada do sistema de coordenadas em que foi produzido para outro que indicar nas opções de gravar como.
Para a comunidade poder ajudar é necessário que faça um esforço para dar o máximo de informação possível e minimizar o esforço que as pessoas dispostas a ajudar têm que despender. Se seguir este principio lógico, será mais fácil para todos.
Cumprimentos,
Ricardo Pinho

Susana Serrazina <[hidden email]> escreveu no dia quarta, 13/03/2019 à(s) 17:55:
Boa tarde,

Acabei de me registar nesta lista de discussão. Sou utilizadora recente do qgis e estou com alguma dificuldade em sobrepor todas as camadas no mesmo sistema de coordenadas.
Pretendo alterar o sistema de coordenadas WGS84 EPSG:4326 para ETR89/POrtugal TM06 EPSG:3763.
Nas camadas vetoriais consigo fazer essa alteração sem qualquer problema a dificuldade está na imagem satélite da web bing. 
É possível fazê-lo? Quais os passos para essa alteração?

Antecipadamente grata,
Com os melhores cumprimentos
Susana Serrazina
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt

_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Re: Ajuda na alteração do sistema de coordenadas

Susana Serrazina
Bom dia, e obrigada Bruno e Ricardo.

De facto posso não me ter explicado muito bem.
Eu altero o sistema de coordenadas como me indicam nas camadas vectoriais, mas quando tento no mapa bing não percebo como ativar a transformação on the fly.
Nas propriedades da camada bing satélite não me aparece essa possibilidade.  

Cumprimentos,
Susana  

Em qua, 13 de mar de 2019 às 20:29, Bruno Moreira <[hidden email]> escreveu:
Boa noite! A minha resposta anterior foi muito “sucinta” pois estava ao telemóvel. Contudo é como o Ricardo referiu.

- um projecto do QGIS tem um sistema de coordenadas definido (é o que aparece no canto inferior direito) que é o sistema no qual a informação é visualizada;
- cada camada que se adiciona pode ter o seu sistema específico; se for igual ao do projecto não acontece nada à informação, se for diferente a informação é transformada em tempo real (“on the fly”) pelo QGIS para o sistema de coordenadas do projecto (desde que a opção esteja activada nas definições do QGIS);
- pode-se transformar a informação de forma persistente (I.e. criar um novo ficheiro com novo sistema de coordenadas); algumas operações geo-espaciais requerem informação no mesmo sistema de coordenadas, mas se é para visualizar apenas (penso que é o caso) não é necessária a transformação persistente;
- transformar on-the-fly ou de forma persistente imagens raster (compostas por pixels, como as fotografias aéreas) é mais complicado que transformar camadas vectoriais, porque dará origem a deformações nos pixels;
- as fotografias aéreas do BING, Google, etc. são servidas num sistema de coordenadas global (WGS84) e transformar esta informação para um sistema local como o português ETRS... dará deformações e é desnecessário.

Em síntese!

1) criar um projecto QGIS;
2) inserir o mapa do BING (creio que estará a ser feito via plugin, quick map services?);
3) colocar o sistema de coordenadas do projecto em WGS84 (o do mapa raster do BING);
4) inserir a camada em ETRS...; com a transformação on the fly do QGIS activada, a informação (vectorial) será convertida sem problemas para WGS84.

Cumprimentos,
Bruno Moreira.

No dia 13/03/2019, às 20:12, Ricardo Pinho <[hidden email]> escreveu:

Bem-vinda Susana!
Sim claro que consegue fazer tudo o que imagina e muito mais com o QGIS!!!
O QGIS permite fazer transformação de coordenadas em tempo real (on-the fly) de modo a que diferentes camadas em diferentes sistemas de coordenadas possam ser visualizadas devidamente sobrepostas na janela de visualização do QGIS. Para tal apenas tem de atribuir a cada camada o sistema de coordenadas correto, em que cada uma delas foi produzida.
Em alternativa o QGIS pode transformar (na opção "gravar como") uma camada do sistema de coordenadas em que foi produzido para outro que indicar nas opções de gravar como.
Para a comunidade poder ajudar é necessário que faça um esforço para dar o máximo de informação possível e minimizar o esforço que as pessoas dispostas a ajudar têm que despender. Se seguir este principio lógico, será mais fácil para todos.
Cumprimentos,
Ricardo Pinho

Susana Serrazina <[hidden email]> escreveu no dia quarta, 13/03/2019 à(s) 17:55:
Boa tarde,

Acabei de me registar nesta lista de discussão. Sou utilizadora recente do qgis e estou com alguma dificuldade em sobrepor todas as camadas no mesmo sistema de coordenadas.
Pretendo alterar o sistema de coordenadas WGS84 EPSG:4326 para ETR89/POrtugal TM06 EPSG:3763.
Nas camadas vetoriais consigo fazer essa alteração sem qualquer problema a dificuldade está na imagem satélite da web bing. 
É possível fazê-lo? Quais os passos para essa alteração?

Antecipadamente grata,
Com os melhores cumprimentos
Susana Serrazina
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt

_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Re: Ajuda na alteração do sistema de coordenadas

Pedro Venâncio-2
Olá Susana,

De facto, faltam-nos aqui algumas informações para podermos ajudar.

1) Que versão do QGIS está a utilizar? Por defeito, o QGIS 3 tem a re-projeção on-the-fly ativa. Portanto, a menos que entre nas propriedades do projeto e no separador CRS ative a opção "No projection", a transformação on-the-fly está ativa.

2) Qual é a fonte da layer do Bing? Isto é importante porque, normalmente, as layers de serviços como o Bing ou o Google, estão no Sistema de Referência EPSG:3857 e não no EPSG:4326.

Tendo estas informações, a única coisa com que tem de se preocupar é:
a) Definir o Sistema de Coordenadas que pretende para o projeto QGIS (Project -> Properties -> CRS);
b) Indicar o Sistema de Coordenadas de cada uma das layers que tem carregadas (Botão direito sobre o nome da layer -> Set CRS -> Set layer CRS).

Se estiver a usar o QGIS 2.x (totalmente desaconselhado neste momento), o procedimento é ligeiramente diferente.

Em todo o caso, se o problema que acontece é a layer do Bing não ficar corretamente sobreposta à restante informação, eu apostaria que será pelo facto de lhe estar a atribuir o EPSG:4326, em vez do EPSG:3857.

Cumprimentos,
Pedro Venâncio



Susana Serrazina <[hidden email]> escreveu no dia quinta, 14/03/2019 à(s) 11:06:
Bom dia, e obrigada Bruno e Ricardo.

De facto posso não me ter explicado muito bem.
Eu altero o sistema de coordenadas como me indicam nas camadas vectoriais, mas quando tento no mapa bing não percebo como ativar a transformação on the fly.
Nas propriedades da camada bing satélite não me aparece essa possibilidade.  

Cumprimentos,
Susana  

Em qua, 13 de mar de 2019 às 20:29, Bruno Moreira <[hidden email]> escreveu:
Boa noite! A minha resposta anterior foi muito “sucinta” pois estava ao telemóvel. Contudo é como o Ricardo referiu.

- um projecto do QGIS tem um sistema de coordenadas definido (é o que aparece no canto inferior direito) que é o sistema no qual a informação é visualizada;
- cada camada que se adiciona pode ter o seu sistema específico; se for igual ao do projecto não acontece nada à informação, se for diferente a informação é transformada em tempo real (“on the fly”) pelo QGIS para o sistema de coordenadas do projecto (desde que a opção esteja activada nas definições do QGIS);
- pode-se transformar a informação de forma persistente (I.e. criar um novo ficheiro com novo sistema de coordenadas); algumas operações geo-espaciais requerem informação no mesmo sistema de coordenadas, mas se é para visualizar apenas (penso que é o caso) não é necessária a transformação persistente;
- transformar on-the-fly ou de forma persistente imagens raster (compostas por pixels, como as fotografias aéreas) é mais complicado que transformar camadas vectoriais, porque dará origem a deformações nos pixels;
- as fotografias aéreas do BING, Google, etc. são servidas num sistema de coordenadas global (WGS84) e transformar esta informação para um sistema local como o português ETRS... dará deformações e é desnecessário.

Em síntese!

1) criar um projecto QGIS;
2) inserir o mapa do BING (creio que estará a ser feito via plugin, quick map services?);
3) colocar o sistema de coordenadas do projecto em WGS84 (o do mapa raster do BING);
4) inserir a camada em ETRS...; com a transformação on the fly do QGIS activada, a informação (vectorial) será convertida sem problemas para WGS84.

Cumprimentos,
Bruno Moreira.

No dia 13/03/2019, às 20:12, Ricardo Pinho <[hidden email]> escreveu:

Bem-vinda Susana!
Sim claro que consegue fazer tudo o que imagina e muito mais com o QGIS!!!
O QGIS permite fazer transformação de coordenadas em tempo real (on-the fly) de modo a que diferentes camadas em diferentes sistemas de coordenadas possam ser visualizadas devidamente sobrepostas na janela de visualização do QGIS. Para tal apenas tem de atribuir a cada camada o sistema de coordenadas correto, em que cada uma delas foi produzida.
Em alternativa o QGIS pode transformar (na opção "gravar como") uma camada do sistema de coordenadas em que foi produzido para outro que indicar nas opções de gravar como.
Para a comunidade poder ajudar é necessário que faça um esforço para dar o máximo de informação possível e minimizar o esforço que as pessoas dispostas a ajudar têm que despender. Se seguir este principio lógico, será mais fácil para todos.
Cumprimentos,
Ricardo Pinho

Susana Serrazina <[hidden email]> escreveu no dia quarta, 13/03/2019 à(s) 17:55:
Boa tarde,

Acabei de me registar nesta lista de discussão. Sou utilizadora recente do qgis e estou com alguma dificuldade em sobrepor todas as camadas no mesmo sistema de coordenadas.
Pretendo alterar o sistema de coordenadas WGS84 EPSG:4326 para ETR89/POrtugal TM06 EPSG:3763.
Nas camadas vetoriais consigo fazer essa alteração sem qualquer problema a dificuldade está na imagem satélite da web bing. 
É possível fazê-lo? Quais os passos para essa alteração?

Antecipadamente grata,
Com os melhores cumprimentos
Susana Serrazina
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt

_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Re: Ajuda na alteração do sistema de coordenadas

Susana Serrazina
Olá,
Segui os conselhos do Ricardo, e carreguei "no canto inferior direito da janela do QGIS, onde aparece EPSG:3857 
de modo a aceder à janela de configuração do SRC do projeto QGIS e escolher EPSG:3763. Assim está a dizer ao QGIS que quer visualizar os dados nesse SRC e ele vai transformar a camada Bing para esse SRC.", alterei as camadas vectoriais também para o mesmo sistema de coordenadas EPSG:3763 (devo fazê-lo, certo?), mas quando enquadro as camadas a camada bing aparece-me totalmente verde (ver figura no link). 


A versão que estou a utilizar é a 3.4.5

Obrigada!

Cumprimentos
Susana

Em qui, 14 de mar de 2019 às 11:29, Pedro Venâncio <[hidden email]> escreveu:
Olá Susana,

De facto, faltam-nos aqui algumas informações para podermos ajudar.

1) Que versão do QGIS está a utilizar? Por defeito, o QGIS 3 tem a re-projeção on-the-fly ativa. Portanto, a menos que entre nas propriedades do projeto e no separador CRS ative a opção "No projection", a transformação on-the-fly está ativa.

2) Qual é a fonte da layer do Bing? Isto é importante porque, normalmente, as layers de serviços como o Bing ou o Google, estão no Sistema de Referência EPSG:3857 e não no EPSG:4326.

Tendo estas informações, a única coisa com que tem de se preocupar é:
a) Definir o Sistema de Coordenadas que pretende para o projeto QGIS (Project -> Properties -> CRS);
b) Indicar o Sistema de Coordenadas de cada uma das layers que tem carregadas (Botão direito sobre o nome da layer -> Set CRS -> Set layer CRS).

Se estiver a usar o QGIS 2.x (totalmente desaconselhado neste momento), o procedimento é ligeiramente diferente.

Em todo o caso, se o problema que acontece é a layer do Bing não ficar corretamente sobreposta à restante informação, eu apostaria que será pelo facto de lhe estar a atribuir o EPSG:4326, em vez do EPSG:3857.

Cumprimentos,
Pedro Venâncio



Susana Serrazina <[hidden email]> escreveu no dia quinta, 14/03/2019 à(s) 11:06:
Bom dia, e obrigada Bruno e Ricardo.

De facto posso não me ter explicado muito bem.
Eu altero o sistema de coordenadas como me indicam nas camadas vectoriais, mas quando tento no mapa bing não percebo como ativar a transformação on the fly.
Nas propriedades da camada bing satélite não me aparece essa possibilidade.  

Cumprimentos,
Susana  

Em qua, 13 de mar de 2019 às 20:29, Bruno Moreira <[hidden email]> escreveu:
Boa noite! A minha resposta anterior foi muito “sucinta” pois estava ao telemóvel. Contudo é como o Ricardo referiu.

- um projecto do QGIS tem um sistema de coordenadas definido (é o que aparece no canto inferior direito) que é o sistema no qual a informação é visualizada;
- cada camada que se adiciona pode ter o seu sistema específico; se for igual ao do projecto não acontece nada à informação, se for diferente a informação é transformada em tempo real (“on the fly”) pelo QGIS para o sistema de coordenadas do projecto (desde que a opção esteja activada nas definições do QGIS);
- pode-se transformar a informação de forma persistente (I.e. criar um novo ficheiro com novo sistema de coordenadas); algumas operações geo-espaciais requerem informação no mesmo sistema de coordenadas, mas se é para visualizar apenas (penso que é o caso) não é necessária a transformação persistente;
- transformar on-the-fly ou de forma persistente imagens raster (compostas por pixels, como as fotografias aéreas) é mais complicado que transformar camadas vectoriais, porque dará origem a deformações nos pixels;
- as fotografias aéreas do BING, Google, etc. são servidas num sistema de coordenadas global (WGS84) e transformar esta informação para um sistema local como o português ETRS... dará deformações e é desnecessário.

Em síntese!

1) criar um projecto QGIS;
2) inserir o mapa do BING (creio que estará a ser feito via plugin, quick map services?);
3) colocar o sistema de coordenadas do projecto em WGS84 (o do mapa raster do BING);
4) inserir a camada em ETRS...; com a transformação on the fly do QGIS activada, a informação (vectorial) será convertida sem problemas para WGS84.

Cumprimentos,
Bruno Moreira.

No dia 13/03/2019, às 20:12, Ricardo Pinho <[hidden email]> escreveu:

Bem-vinda Susana!
Sim claro que consegue fazer tudo o que imagina e muito mais com o QGIS!!!
O QGIS permite fazer transformação de coordenadas em tempo real (on-the fly) de modo a que diferentes camadas em diferentes sistemas de coordenadas possam ser visualizadas devidamente sobrepostas na janela de visualização do QGIS. Para tal apenas tem de atribuir a cada camada o sistema de coordenadas correto, em que cada uma delas foi produzida.
Em alternativa o QGIS pode transformar (na opção "gravar como") uma camada do sistema de coordenadas em que foi produzido para outro que indicar nas opções de gravar como.
Para a comunidade poder ajudar é necessário que faça um esforço para dar o máximo de informação possível e minimizar o esforço que as pessoas dispostas a ajudar têm que despender. Se seguir este principio lógico, será mais fácil para todos.
Cumprimentos,
Ricardo Pinho

Susana Serrazina <[hidden email]> escreveu no dia quarta, 13/03/2019 à(s) 17:55:
Boa tarde,

Acabei de me registar nesta lista de discussão. Sou utilizadora recente do qgis e estou com alguma dificuldade em sobrepor todas as camadas no mesmo sistema de coordenadas.
Pretendo alterar o sistema de coordenadas WGS84 EPSG:4326 para ETR89/POrtugal TM06 EPSG:3763.
Nas camadas vetoriais consigo fazer essa alteração sem qualquer problema a dificuldade está na imagem satélite da web bing. 
É possível fazê-lo? Quais os passos para essa alteração?

Antecipadamente grata,
Com os melhores cumprimentos
Susana Serrazina
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt

_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Re: Ajuda na alteração do sistema de coordenadas

Ricardo Pinho-3
Olá Susana,
Ao analisar a captura de ecra verifico que as coordenadas dos seus dados são provavelmente WGS84: (ver anexo)
-9.0111,39.39.3839
E o problema está em, como disse, estar a atribuir às camadas o EPSG:3763 (PT-TM06) quando elas são EPSG:4326 (WGS84).
Experimente atribuir às camadas o EPSG:4326.

É por isso que é tempo de deixar de usar formatos obsoletos como o shapefile, por não trazerem integrados nos dados o sistema de coordenadas usado e evitar essas confusões. A alternativa é usar o formato e a norma aberta nacional (RNID): Geopackage (gravar como no QGIS).
Um conselho que dou a todos, quando lhe fornecerem dados em shapefile, peça-os em geopackage!

Cumprimentos,
Ricardo Pinho

Susana Serrazina <[hidden email]> escreveu no dia quinta, 14/03/2019 à(s) 16:57:
Olá,
Segui os conselhos do Ricardo, e carreguei "no canto inferior direito da janela do QGIS, onde aparece EPSG:3857 
de modo a aceder à janela de configuração do SRC do projeto QGIS e escolher EPSG:3763. Assim está a dizer ao QGIS que quer visualizar os dados nesse SRC e ele vai transformar a camada Bing para esse SRC.", alterei as camadas vectoriais também para o mesmo sistema de coordenadas EPSG:3763 (devo fazê-lo, certo?), mas quando enquadro as camadas a camada bing aparece-me totalmente verde (ver figura no link). 


A versão que estou a utilizar é a 3.4.5

Obrigada!

Cumprimentos
Susana

Em qui, 14 de mar de 2019 às 11:29, Pedro Venâncio <[hidden email]> escreveu:
Olá Susana,

De facto, faltam-nos aqui algumas informações para podermos ajudar.

1) Que versão do QGIS está a utilizar? Por defeito, o QGIS 3 tem a re-projeção on-the-fly ativa. Portanto, a menos que entre nas propriedades do projeto e no separador CRS ative a opção "No projection", a transformação on-the-fly está ativa.

2) Qual é a fonte da layer do Bing? Isto é importante porque, normalmente, as layers de serviços como o Bing ou o Google, estão no Sistema de Referência EPSG:3857 e não no EPSG:4326.

Tendo estas informações, a única coisa com que tem de se preocupar é:
a) Definir o Sistema de Coordenadas que pretende para o projeto QGIS (Project -> Properties -> CRS);
b) Indicar o Sistema de Coordenadas de cada uma das layers que tem carregadas (Botão direito sobre o nome da layer -> Set CRS -> Set layer CRS).

Se estiver a usar o QGIS 2.x (totalmente desaconselhado neste momento), o procedimento é ligeiramente diferente.

Em todo o caso, se o problema que acontece é a layer do Bing não ficar corretamente sobreposta à restante informação, eu apostaria que será pelo facto de lhe estar a atribuir o EPSG:4326, em vez do EPSG:3857.

Cumprimentos,
Pedro Venâncio



Susana Serrazina <[hidden email]> escreveu no dia quinta, 14/03/2019 à(s) 11:06:
Bom dia, e obrigada Bruno e Ricardo.

De facto posso não me ter explicado muito bem.
Eu altero o sistema de coordenadas como me indicam nas camadas vectoriais, mas quando tento no mapa bing não percebo como ativar a transformação on the fly.
Nas propriedades da camada bing satélite não me aparece essa possibilidade.  

Cumprimentos,
Susana  

Em qua, 13 de mar de 2019 às 20:29, Bruno Moreira <[hidden email]> escreveu:
Boa noite! A minha resposta anterior foi muito “sucinta” pois estava ao telemóvel. Contudo é como o Ricardo referiu.

- um projecto do QGIS tem um sistema de coordenadas definido (é o que aparece no canto inferior direito) que é o sistema no qual a informação é visualizada;
- cada camada que se adiciona pode ter o seu sistema específico; se for igual ao do projecto não acontece nada à informação, se for diferente a informação é transformada em tempo real (“on the fly”) pelo QGIS para o sistema de coordenadas do projecto (desde que a opção esteja activada nas definições do QGIS);
- pode-se transformar a informação de forma persistente (I.e. criar um novo ficheiro com novo sistema de coordenadas); algumas operações geo-espaciais requerem informação no mesmo sistema de coordenadas, mas se é para visualizar apenas (penso que é o caso) não é necessária a transformação persistente;
- transformar on-the-fly ou de forma persistente imagens raster (compostas por pixels, como as fotografias aéreas) é mais complicado que transformar camadas vectoriais, porque dará origem a deformações nos pixels;
- as fotografias aéreas do BING, Google, etc. são servidas num sistema de coordenadas global (WGS84) e transformar esta informação para um sistema local como o português ETRS... dará deformações e é desnecessário.

Em síntese!

1) criar um projecto QGIS;
2) inserir o mapa do BING (creio que estará a ser feito via plugin, quick map services?);
3) colocar o sistema de coordenadas do projecto em WGS84 (o do mapa raster do BING);
4) inserir a camada em ETRS...; com a transformação on the fly do QGIS activada, a informação (vectorial) será convertida sem problemas para WGS84.

Cumprimentos,
Bruno Moreira.

No dia 13/03/2019, às 20:12, Ricardo Pinho <[hidden email]> escreveu:

Bem-vinda Susana!
Sim claro que consegue fazer tudo o que imagina e muito mais com o QGIS!!!
O QGIS permite fazer transformação de coordenadas em tempo real (on-the fly) de modo a que diferentes camadas em diferentes sistemas de coordenadas possam ser visualizadas devidamente sobrepostas na janela de visualização do QGIS. Para tal apenas tem de atribuir a cada camada o sistema de coordenadas correto, em que cada uma delas foi produzida.
Em alternativa o QGIS pode transformar (na opção "gravar como") uma camada do sistema de coordenadas em que foi produzido para outro que indicar nas opções de gravar como.
Para a comunidade poder ajudar é necessário que faça um esforço para dar o máximo de informação possível e minimizar o esforço que as pessoas dispostas a ajudar têm que despender. Se seguir este principio lógico, será mais fácil para todos.
Cumprimentos,
Ricardo Pinho

Susana Serrazina <[hidden email]> escreveu no dia quarta, 13/03/2019 à(s) 17:55:
Boa tarde,

Acabei de me registar nesta lista de discussão. Sou utilizadora recente do qgis e estou com alguma dificuldade em sobrepor todas as camadas no mesmo sistema de coordenadas.
Pretendo alterar o sistema de coordenadas WGS84 EPSG:4326 para ETR89/POrtugal TM06 EPSG:3763.
Nas camadas vetoriais consigo fazer essa alteração sem qualquer problema a dificuldade está na imagem satélite da web bing. 
É possível fazê-lo? Quais os passos para essa alteração?

Antecipadamente grata,
Com os melhores cumprimentos
Susana Serrazina
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt


--
Ricardo Pinho

_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt

Capturar_coord-min.png (36K) Download Attachment
Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Re: Ajuda na alteração do sistema de coordenadas

Alexandre Neto
Bom dia,

Concordo com o Ricardo, os dados aparentam estar em valores de latitude e longitude, e daí a suspeita recair normalmente no WGS84 (EPSG: 4326), que aliás foi o sistema que a Susana referiu desde o inicio. Em caso de dúvida, questione quem lhe forneceu os dados sobre qual é o sistema correcto a usar. É boa prática não tentar adivinhar (embora com alguma experiência todos o façamos).

Note que, ao escolher o SCR no QGIS, não está a alterar os sistema de coordenadas da camada, apenas está a alterar a forma como o QGIS interpreta os valores. Se realmente quiser transformar os dados em ETRS89-TM06 (vulgarmente chamado de reprojectar), escolha no QGIS a SRC correcta (EPSG:4326) para cada camadas, e use a opção Exportar > Gravar elementos como, aí pode escolher o SRC de saída.

 
É por isso que é tempo de deixar de usar formatos obsoletos como o shapefile, por não trazerem integrados nos dados o sistema de coordenadas usado e evitar essas confusões. A alternativa é usar o formato e a norma aberta nacional (RNID): Geopackage (gravar como no QGIS).
Um conselho que dou a todos, quando lhe fornecerem dados em shapefile, peça-os em geopackage!


Mas que não se esqueçam de usar o SRC correcto no QGIS antes da exportação, caso contrário a confusão aumenta. :-)

Alexandre Neto

_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Re: Ajuda na alteração do sistema de coordenadas

Susana Serrazina
Boa tarde,

Ricardo, Alexandre, Bruno, Pedro e ... de facto o problema está na base das camadas (nas coordenadas dos dados). Penso que por agora resolvi o problema.
Muito obrigada. Foram espetaculares.

Cumprimentos
Susana
  

Em sex, 15 de mar de 2019 às 02:45, Alexandre Neto <[hidden email]> escreveu:
Bom dia,

Concordo com o Ricardo, os dados aparentam estar em valores de latitude e longitude, e daí a suspeita recair normalmente no WGS84 (EPSG: 4326), que aliás foi o sistema que a Susana referiu desde o inicio. Em caso de dúvida, questione quem lhe forneceu os dados sobre qual é o sistema correcto a usar. É boa prática não tentar adivinhar (embora com alguma experiência todos o façamos).

Note que, ao escolher o SCR no QGIS, não está a alterar os sistema de coordenadas da camada, apenas está a alterar a forma como o QGIS interpreta os valores. Se realmente quiser transformar os dados em ETRS89-TM06 (vulgarmente chamado de reprojectar), escolha no QGIS a SRC correcta (EPSG:4326) para cada camadas, e use a opção Exportar > Gravar elementos como, aí pode escolher o SRC de saída.

 
É por isso que é tempo de deixar de usar formatos obsoletos como o shapefile, por não trazerem integrados nos dados o sistema de coordenadas usado e evitar essas confusões. A alternativa é usar o formato e a norma aberta nacional (RNID): Geopackage (gravar como no QGIS).
Um conselho que dou a todos, quando lhe fornecerem dados em shapefile, peça-os em geopackage!


Mas que não se esqueçam de usar o SRC correcto no QGIS antes da exportação, caso contrário a confusão aumenta. :-)

Alexandre Neto
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt

_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Re: Ajuda na alteração do sistema de coordenadas

Alexandre
In reply to this post by Ricardo Pinho-3
Não há razão para demonizar o formato shapefile. Esse formato tem suas limitações, mas foi muito útil, e para muitos continua sendo. Como tudo na área relacionada ao geoprocessamento, evoluções de formato ocorrem, mas nem por isso o que era bom até então passa a ser horrível.

Alexandre

On Thu, Mar 14, 2019 at 4:19 PM Ricardo Pinho <[hidden email]> wrote:
Olá Susana,
Ao analisar a captura de ecra verifico que as coordenadas dos seus dados são provavelmente WGS84: (ver anexo)
-9.0111,39.39.3839
E o problema está em, como disse, estar a atribuir às camadas o EPSG:3763 (PT-TM06) quando elas são EPSG:4326 (WGS84).
Experimente atribuir às camadas o EPSG:4326.

É por isso que é tempo de deixar de usar formatos obsoletos como o shapefile, por não trazerem integrados nos dados o sistema de coordenadas usado e evitar essas confusões. A alternativa é usar o formato e a norma aberta nacional (RNID): Geopackage (gravar como no QGIS).
Um conselho que dou a todos, quando lhe fornecerem dados em shapefile, peça-os em geopackage!

Cumprimentos,
Ricardo Pinho

Susana Serrazina <[hidden email]> escreveu no dia quinta, 14/03/2019 à(s) 16:57:
Olá,
Segui os conselhos do Ricardo, e carreguei "no canto inferior direito da janela do QGIS, onde aparece EPSG:3857 
de modo a aceder à janela de configuração do SRC do projeto QGIS e escolher EPSG:3763. Assim está a dizer ao QGIS que quer visualizar os dados nesse SRC e ele vai transformar a camada Bing para esse SRC.", alterei as camadas vectoriais também para o mesmo sistema de coordenadas EPSG:3763 (devo fazê-lo, certo?), mas quando enquadro as camadas a camada bing aparece-me totalmente verde (ver figura no link). 


A versão que estou a utilizar é a 3.4.5

Obrigada!

Cumprimentos
Susana

Em qui, 14 de mar de 2019 às 11:29, Pedro Venâncio <[hidden email]> escreveu:
Olá Susana,

De facto, faltam-nos aqui algumas informações para podermos ajudar.

1) Que versão do QGIS está a utilizar? Por defeito, o QGIS 3 tem a re-projeção on-the-fly ativa. Portanto, a menos que entre nas propriedades do projeto e no separador CRS ative a opção "No projection", a transformação on-the-fly está ativa.

2) Qual é a fonte da layer do Bing? Isto é importante porque, normalmente, as layers de serviços como o Bing ou o Google, estão no Sistema de Referência EPSG:3857 e não no EPSG:4326.

Tendo estas informações, a única coisa com que tem de se preocupar é:
a) Definir o Sistema de Coordenadas que pretende para o projeto QGIS (Project -> Properties -> CRS);
b) Indicar o Sistema de Coordenadas de cada uma das layers que tem carregadas (Botão direito sobre o nome da layer -> Set CRS -> Set layer CRS).

Se estiver a usar o QGIS 2.x (totalmente desaconselhado neste momento), o procedimento é ligeiramente diferente.

Em todo o caso, se o problema que acontece é a layer do Bing não ficar corretamente sobreposta à restante informação, eu apostaria que será pelo facto de lhe estar a atribuir o EPSG:4326, em vez do EPSG:3857.

Cumprimentos,
Pedro Venâncio



Susana Serrazina <[hidden email]> escreveu no dia quinta, 14/03/2019 à(s) 11:06:
Bom dia, e obrigada Bruno e Ricardo.

De facto posso não me ter explicado muito bem.
Eu altero o sistema de coordenadas como me indicam nas camadas vectoriais, mas quando tento no mapa bing não percebo como ativar a transformação on the fly.
Nas propriedades da camada bing satélite não me aparece essa possibilidade.  

Cumprimentos,
Susana  

Em qua, 13 de mar de 2019 às 20:29, Bruno Moreira <[hidden email]> escreveu:
Boa noite! A minha resposta anterior foi muito “sucinta” pois estava ao telemóvel. Contudo é como o Ricardo referiu.

- um projecto do QGIS tem um sistema de coordenadas definido (é o que aparece no canto inferior direito) que é o sistema no qual a informação é visualizada;
- cada camada que se adiciona pode ter o seu sistema específico; se for igual ao do projecto não acontece nada à informação, se for diferente a informação é transformada em tempo real (“on the fly”) pelo QGIS para o sistema de coordenadas do projecto (desde que a opção esteja activada nas definições do QGIS);
- pode-se transformar a informação de forma persistente (I.e. criar um novo ficheiro com novo sistema de coordenadas); algumas operações geo-espaciais requerem informação no mesmo sistema de coordenadas, mas se é para visualizar apenas (penso que é o caso) não é necessária a transformação persistente;
- transformar on-the-fly ou de forma persistente imagens raster (compostas por pixels, como as fotografias aéreas) é mais complicado que transformar camadas vectoriais, porque dará origem a deformações nos pixels;
- as fotografias aéreas do BING, Google, etc. são servidas num sistema de coordenadas global (WGS84) e transformar esta informação para um sistema local como o português ETRS... dará deformações e é desnecessário.

Em síntese!

1) criar um projecto QGIS;
2) inserir o mapa do BING (creio que estará a ser feito via plugin, quick map services?);
3) colocar o sistema de coordenadas do projecto em WGS84 (o do mapa raster do BING);
4) inserir a camada em ETRS...; com a transformação on the fly do QGIS activada, a informação (vectorial) será convertida sem problemas para WGS84.

Cumprimentos,
Bruno Moreira.

No dia 13/03/2019, às 20:12, Ricardo Pinho <[hidden email]> escreveu:

Bem-vinda Susana!
Sim claro que consegue fazer tudo o que imagina e muito mais com o QGIS!!!
O QGIS permite fazer transformação de coordenadas em tempo real (on-the fly) de modo a que diferentes camadas em diferentes sistemas de coordenadas possam ser visualizadas devidamente sobrepostas na janela de visualização do QGIS. Para tal apenas tem de atribuir a cada camada o sistema de coordenadas correto, em que cada uma delas foi produzida.
Em alternativa o QGIS pode transformar (na opção "gravar como") uma camada do sistema de coordenadas em que foi produzido para outro que indicar nas opções de gravar como.
Para a comunidade poder ajudar é necessário que faça um esforço para dar o máximo de informação possível e minimizar o esforço que as pessoas dispostas a ajudar têm que despender. Se seguir este principio lógico, será mais fácil para todos.
Cumprimentos,
Ricardo Pinho

Susana Serrazina <[hidden email]> escreveu no dia quarta, 13/03/2019 à(s) 17:55:
Boa tarde,

Acabei de me registar nesta lista de discussão. Sou utilizadora recente do qgis e estou com alguma dificuldade em sobrepor todas as camadas no mesmo sistema de coordenadas.
Pretendo alterar o sistema de coordenadas WGS84 EPSG:4326 para ETR89/POrtugal TM06 EPSG:3763.
Nas camadas vetoriais consigo fazer essa alteração sem qualquer problema a dificuldade está na imagem satélite da web bing. 
É possível fazê-lo? Quais os passos para essa alteração?

Antecipadamente grata,
Com os melhores cumprimentos
Susana Serrazina
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt


--
Ricardo Pinho
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt

_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Re: Ajuda na alteração do sistema de coordenadas

Ricardo Pinho-3
In reply to this post by Susana Serrazina
Boa tarde Susana,
Não tem nada que agradecer.
Disponha sempre!
Cumprimentos,
Ricardo Pinho

Susana Serrazina <[hidden email]> escreveu no dia sexta, 15/03/2019 à(s) 15:06:
Boa tarde,

Ricardo, Alexandre, Bruno, Pedro e ... de facto o problema está na base das camadas (nas coordenadas dos dados). Penso que por agora resolvi o problema.
Muito obrigada. Foram espetaculares.

Cumprimentos
Susana
  

Em sex, 15 de mar de 2019 às 02:45, Alexandre Neto <[hidden email]> escreveu:
Bom dia,

Concordo com o Ricardo, os dados aparentam estar em valores de latitude e longitude, e daí a suspeita recair normalmente no WGS84 (EPSG: 4326), que aliás foi o sistema que a Susana referiu desde o inicio. Em caso de dúvida, questione quem lhe forneceu os dados sobre qual é o sistema correcto a usar. É boa prática não tentar adivinhar (embora com alguma experiência todos o façamos).

Note que, ao escolher o SCR no QGIS, não está a alterar os sistema de coordenadas da camada, apenas está a alterar a forma como o QGIS interpreta os valores. Se realmente quiser transformar os dados em ETRS89-TM06 (vulgarmente chamado de reprojectar), escolha no QGIS a SRC correcta (EPSG:4326) para cada camadas, e use a opção Exportar > Gravar elementos como, aí pode escolher o SRC de saída.

 
É por isso que é tempo de deixar de usar formatos obsoletos como o shapefile, por não trazerem integrados nos dados o sistema de coordenadas usado e evitar essas confusões. A alternativa é usar o formato e a norma aberta nacional (RNID): Geopackage (gravar como no QGIS).
Um conselho que dou a todos, quando lhe fornecerem dados em shapefile, peça-os em geopackage!


Mas que não se esqueçam de usar o SRC correcto no QGIS antes da exportação, caso contrário a confusão aumenta. :-)

Alexandre Neto
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt


--
Ricardo Pinho

_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Shapefile é um mau formato, descontinuado e obsoleto! Temos de deixar de o usar!

Ricardo Pinho-3
In reply to this post by Alexandre
Viva Alexandre,

É verdade, na década de 90 e seguinte quando o mercado SIG era dominado por software e formatos proprietários e fechados (secretos), o formato shapefile foi o que permitiu alguma troca de dados entre aplicações de diferentes fornecedores, e acabou por se tornar um standard de facto.
Mas o shapefile (e não é de agora) sempre foi considerado um mau formato e tem causado ao longo destas dezenas de anos, inúmeras dores de cabeça e problemas aos utilizadores.

Hoje, 2 décadas depois, felizmente com a normalização dos formatos de dados e dos protocolos comunicação abertos (OGC/INSPIRE), o mercado SIG deixou de ser dominado pelos monopólios de soluções proprietárias e fechadas, e as virtudes e vantagens da interoperabilidade são reconhecidas como de interesse para todas as partes.

Infelizmente o que custa a mudar são os hábitos das pessoas, e mesmo com a abundância de novos e melhores formatos alternativos e as recomendações legais para a sua adopção, a inércia do ser humano em mudar hábitos impede que se deixe de utilizar de vez formatos descontinuados e obsoletos há décadas, com a repetição dos seus problemas e efeitos lesivos colaterais associados.

Sim, há uma razão muito forte para lembrar e realçar o mau formato e os problemas que o uso do shapefile causa, é "convencer as pessoas a não o usar mais!" principalmente os que têm responsabilidade de produzir e divulgar informação geografia, de modo a acabar com elevados custos que isso acarreta para todos.

O shapefile teve um papel importante no seu tempo, vamos colocá-lo no museu, ao lado dos seus contemporâneos, como a disquete, etc. que já ninguém sequer imagina usar. É tempo de virar a página e evoluir!
Usar hoje shapefile só por saudosismo ou masoquismo!

Listo abaixo as razões... conheço-as de cor e salteado pois durante anos tive de lidar ou ajudar pessoas a lidar com estes problemas! (se for preciso traduzir, traduz-se!)

Why is Shapefile so bad? Here are several reasons why the Shapefile is a bad format and you should avoid its usage:

- No coordinate reference system definition.
- It's a multifile format.
- Attribute names are limited to 10 characters.
- Only 255 attributes. The DBF file does not allow you to store more then 255 attribute fields.
- Limited data types. Data types are limited to float, integer, date and text with a maximum 254 characters.
- Unknown character set. There is no way to specify the character set used in the database.
- It's limited to 2GB of file size. Although some tools are able to surpass this limit, they can never exceed 4GB of data.
- No topology in the data. There is no way to describe topological relations in the format.
- Single geometry type per file. There is no way to save mixed geometry features.
- More complicated data structures are impossible to save. It's a "flat table" format.
- There is no way to store 3D data with textures or appearances such as material definitions. There is also no way to store solids or parametric objects.
- Projections definition. They are incompatible or missing.
- Line and polygon geometry type, single or multipart, cannot be reliably determined at the layer level, it must be determined at the individual feature level.

Cumprimentos,
Ricardo Pinho

Alexandre de Paula <[hidden email]> escreveu no dia terça, 19/03/2019 à(s) 13:28:
Não há razão para demonizar o formato shapefile. Esse formato tem suas limitações, mas foi muito útil, e para muitos continua sendo. Como tudo na área relacionada ao geoprocessamento, evoluções de formato ocorrem, mas nem por isso o que era bom até então passa a ser horrível.

Alexandre

On Thu, Mar 14, 2019 at 4:19 PM Ricardo Pinho <[hidden email]> wrote:
Olá Susana,
Ao analisar a captura de ecra verifico que as coordenadas dos seus dados são provavelmente WGS84: (ver anexo)
-9.0111,39.39.3839
E o problema está em, como disse, estar a atribuir às camadas o EPSG:3763 (PT-TM06) quando elas são EPSG:4326 (WGS84).
Experimente atribuir às camadas o EPSG:4326.

É por isso que é tempo de deixar de usar formatos obsoletos como o shapefile, por não trazerem integrados nos dados o sistema de coordenadas usado e evitar essas confusões. A alternativa é usar o formato e a norma aberta nacional (RNID): Geopackage (gravar como no QGIS).
Um conselho que dou a todos, quando lhe fornecerem dados em shapefile, peça-os em geopackage!

Cumprimentos,
Ricardo Pinho

--
Ricardo Pinho

_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Re: Ajuda na alteração do sistema de coordenadas

Fernando M. Roxo da Motta
In reply to this post by Alexandre
On Tue, 19 Mar 2019 10:28:11 -0300, Alexandre de Paula
<[hidden email]> wrote:


> Não há razão para demonizar o formato shapefile. Esse formato tem suas
> limitações, mas foi muito útil, e para muitos continua sendo. Como
> tudo na área relacionada ao geoprocessamento, evoluções de formato
> ocorrem, mas nem por isso o que era bom até então passa a ser
> horrível.

  Concordo, nenhum formato é intrinsecamente bom ou ruim, principalmente
se levarmos em conta a época em que foi criado, os recursos então
disponíveis e todas as limitações da época.  (tá, alguns até podem
ser, mas não acho que seja o caso do shapefile.)

  Eu vejo três grandes problemas para uma mudança no formato usado para
armazenamento e trocas de informações georreferenciadas.

  Talvez um grande obstáculo seja o acervo de dados legados
disponíveis.  Muitos desses dados são até mesmo impossíveis de serem
reproduzidos.  Por exemplo em campanhas de geofísica de petróleo,
os pontos marcados no campo só existem durante a aquisição, depois
disso as marcas são removidas.   Muito desse acervo está disponível
somente em formato shapefile, muitos sem o arquivo .prj ou equivalente,
sendo necessário um trabalho manual para garantir a qualidade da
informação transformada.

  Um outro grande(maior?) obstáculo é cultural.   Quer pelo uso de
softwares legados, e não atualizados, que não têm suporte a outros
formatos, para ler ou gravar, quer pelo costume de só usar um "padrão"
bem conhecido e estabelecido.  Por vezes ensinar novos truques a
cachorros velhos (eu sou um, mas aprendo truques com certa facilidade.
😜 ) é uma tarefa ingrata.  Para piorar, muitas vezes são esses
"cachorros velhos" que vão treinar os novos cachorros que se juntam à
matilha, sedimentando ainda mais a cultura.

  O terceiro, que parece estar mudando em alguma extensão, é a prática
das empresas de software comercial de incentivarem ao uso de formatos
proprietários como prática de forçar a "fidelização".  Os formatos
abertos, em geral, são implementados de forma restrita, até mesmo como
politica de incentivo a esses formatos.

  Concordo quando se diz que os formadores de opinião, ou de
políticas/prática das instituições usuárias desses dados deveriam
incentivar o uso de novos formatos (p.e. geopackage) para a criação de
novos acervos em formatos abertos e de livre acesso para todos os
softwares.

  Talvez o caminho seja trabalhar justamente esses formadores de
opinião/políticas para que as mudanças sejam implementadas.


  Sds.

>
> Alexandre
>
> On Thu, Mar 14, 2019 at 4:19 PM Ricardo Pinho
> <[hidden email]> wrote:
>
> > Olá Susana,
> > Ao analisar a captura de ecra verifico que as coordenadas dos seus
> > dados são provavelmente WGS84: (ver anexo)
> > -9.0111,39.39.3839
> > E o problema está em, como disse, estar a atribuir às camadas o
> > EPSG:3763 (PT-TM06) quando elas são EPSG:4326 (WGS84).
> > Experimente atribuir às camadas o EPSG:4326.
> >
> > É por isso que é tempo de deixar de usar formatos obsoletos como o
> > shapefile, por não trazerem integrados nos dados o sistema de
> > coordenadas usado e evitar essas confusões. A alternativa é usar o
> > formato e a norma aberta nacional (RNID
> > <https://ansol.org/normasabertas/rnid>): Geopackage (gravar como no
> > QGIS). Um conselho que dou a todos, quando lhe fornecerem dados em
> > shapefile, *peça-os em geopackage*!
> > http://switchfromshapefile.org/#shapefileisbad
> >
> > Cumprimentos,
> > Ricardo Pinho
> >
> > Susana Serrazina <[hidden email]> escreveu no dia quinta,
> > 14/03/2019 à(s) 16:57:
> >  
> >> Olá,
> >> Segui os conselhos do Ricardo, e carreguei "no canto inferior
> >> direito da janela do QGIS, onde aparece EPSG:3857
> >> de modo a aceder à janela de configuração do SRC do projeto QGIS e
> >> escolher EPSG:3763. Assim está a dizer ao QGIS que quer visualizar
> >> os dados nesse SRC e ele vai transformar a camada Bing para esse
> >> SRC.", alterei as camadas vectoriais também para o mesmo sistema
> >> de coordenadas EPSG:3763 (devo fazê-lo, certo?), mas quando
> >> enquadro as camadas a camada bing aparece-me totalmente verde (ver
> >> figura no link).
> >>
> >> https://drive.google.com/open?id=1P0GZhpZ1wd6ngpNZg5dm1j8NRdeQrRnn
> >>
> >> A versão que estou a utilizar é a 3.4.5
> >>
> >> Obrigada!
> >>
> >> Cumprimentos
> >> Susana
> >>
> >> Em qui, 14 de mar de 2019 às 11:29, Pedro Venâncio <  
> >> [hidden email]> escreveu:  
> >>  
> >>> Olá Susana,
> >>>
> >>> De facto, faltam-nos aqui algumas informações para podermos
> >>> ajudar.
> >>>
> >>> 1) Que versão do QGIS está a utilizar? Por defeito, o QGIS 3 tem a
> >>> re-projeção on-the-fly ativa. Portanto, a menos que entre nas
> >>> propriedades do projeto e no separador CRS ative a opção "No
> >>> projection", a transformação on-the-fly está ativa.
> >>>
> >>> 2) Qual é a fonte da layer do Bing? Isto é importante porque,
> >>> normalmente, as layers de serviços como o Bing ou o Google, estão
> >>> no Sistema de Referência EPSG:3857 e não no EPSG:4326.
> >>>
> >>> Tendo estas informações, a única coisa com que tem de se
> >>> preocupar é: a) Definir o Sistema de Coordenadas que pretende
> >>> para o projeto QGIS (Project -> Properties -> CRS);
> >>> b) Indicar o Sistema de Coordenadas de cada uma das layers que tem
> >>> carregadas (Botão direito sobre o nome da layer -> Set CRS -> Set
> >>> layer CRS).
> >>>
> >>> Se estiver a usar o QGIS 2.x (totalmente desaconselhado neste
> >>> momento), o procedimento é ligeiramente diferente.
> >>>
> >>> Em todo o caso, se o problema que acontece é a layer do Bing não
> >>> ficar corretamente sobreposta à restante informação, eu apostaria
> >>> que será pelo facto de lhe estar a atribuir o EPSG:4326, em vez
> >>> do EPSG:3857.
> >>>
> >>> Cumprimentos,
> >>> Pedro Venâncio
> >>>
> >>>
> >>>
> >>> Susana Serrazina <[hidden email]> escreveu no dia quinta,
> >>> 14/03/2019 à(s) 11:06:
> >>>  
> >>>> Bom dia, e obrigada Bruno e Ricardo.
> >>>>
> >>>> De facto posso não me ter explicado muito bem.
> >>>> Eu altero o sistema de coordenadas como me indicam nas camadas
> >>>> vectoriais, mas quando tento no mapa bing não percebo como
> >>>> ativar a transformação on the fly.
> >>>> Nas propriedades da camada bing satélite não me aparece essa
> >>>> possibilidade.
> >>>>
> >>>> Cumprimentos,
> >>>> Susana
> >>>>
> >>>> Em qua, 13 de mar de 2019 às 20:29, Bruno Moreira <  
> >>>> [hidden email]> escreveu:  
> >>>>  
> >>>>> Boa noite! A minha resposta anterior foi muito “sucinta” pois
> >>>>> estava ao telemóvel. Contudo é como o Ricardo referiu.
> >>>>>
> >>>>> - um projecto do QGIS tem um sistema de coordenadas definido (é
> >>>>> o que aparece no canto inferior direito) que é o sistema no
> >>>>> qual a informação é visualizada;
> >>>>> - cada camada que se adiciona pode ter o seu sistema
> >>>>> específico; se for igual ao do projecto não acontece nada à
> >>>>> informação, se for diferente a informação é transformada em
> >>>>> tempo real (“on the fly”) pelo QGIS para o sistema de
> >>>>> coordenadas do projecto (desde que a opção esteja activada nas
> >>>>> definições do QGIS);
> >>>>> - pode-se transformar a informação de forma persistente (I.e.
> >>>>> criar um novo ficheiro com novo sistema de coordenadas);
> >>>>> algumas operações geo-espaciais requerem informação no mesmo
> >>>>> sistema de coordenadas, mas se é para visualizar apenas (penso
> >>>>> que é o caso) não é necessária a transformação persistente;
> >>>>> - transformar on-the-fly ou de forma persistente imagens raster
> >>>>> (compostas por pixels, como as fotografias aéreas) é mais
> >>>>> complicado que transformar camadas vectoriais, porque dará
> >>>>> origem a deformações nos pixels;
> >>>>> - as fotografias aéreas do BING, Google, etc. são servidas num
> >>>>> sistema de coordenadas global (WGS84) e transformar esta
> >>>>> informação para um sistema local como o português ETRS... dará
> >>>>> deformações e é desnecessário.
> >>>>>
> >>>>> Em síntese!
> >>>>>
> >>>>> 1) criar um projecto QGIS;
> >>>>> 2) inserir o mapa do BING (creio que estará a ser feito via
> >>>>> plugin, quick map services?);
> >>>>> 3) colocar o sistema de coordenadas do projecto em WGS84 (o do
> >>>>> mapa raster do BING);
> >>>>> 4) inserir a camada em ETRS...; com a transformação on the fly
> >>>>> do QGIS activada, a informação (vectorial) será convertida sem
> >>>>> problemas para WGS84.
> >>>>>
> >>>>> Cumprimentos,
> >>>>> Bruno Moreira.
> >>>>>
> >>>>> No dia 13/03/2019, às 20:12, Ricardo Pinho
> >>>>> <[hidden email]> escreveu:
> >>>>>
> >>>>> Bem-vinda Susana!
> >>>>> Sim claro que consegue fazer tudo o que imagina e muito mais
> >>>>> com o QGIS!!!
> >>>>> O QGIS permite fazer transformação de coordenadas em tempo real
> >>>>> (on-the fly) de modo a que diferentes camadas em diferentes
> >>>>> sistemas de coordenadas possam ser visualizadas devidamente
> >>>>> sobrepostas na janela de visualização do QGIS. Para tal apenas
> >>>>> tem de atribuir a cada camada o sistema de coordenadas correto,
> >>>>> em que cada uma delas foi produzida. Em alternativa o QGIS pode
> >>>>> transformar (na opção "gravar como") uma camada do sistema de
> >>>>> coordenadas em que foi produzido para outro que indicar nas
> >>>>> opções de gravar como. Para a comunidade poder ajudar é
> >>>>> necessário que faça um esforço para dar o máximo de informação
> >>>>> possível e minimizar o esforço que as pessoas dispostas a
> >>>>> ajudar têm que despender. Se seguir este principio lógico, será
> >>>>> mais fácil para todos. Cumprimentos,
> >>>>> Ricardo Pinho
> >>>>>
> >>>>> Susana Serrazina <[hidden email]> escreveu no dia quarta,
> >>>>> 13/03/2019 à(s) 17:55:
> >>>>>  
> >>>>>> Boa tarde,
> >>>>>>
> >>>>>> Acabei de me registar nesta lista de discussão. Sou utilizadora
> >>>>>> recente do qgis e estou com alguma dificuldade em sobrepor
> >>>>>> todas as camadas no mesmo sistema de coordenadas.
> >>>>>> Pretendo alterar o sistema de coordenadas WGS84 EPSG:4326 para
> >>>>>> ETR89/POrtugal TM06 EPSG:3763.
> >>>>>> Nas camadas vetoriais consigo fazer essa alteração sem qualquer
> >>>>>> problema a dificuldade está na imagem satélite da web bing.
> >>>>>> É possível fazê-lo? Quais os passos para essa alteração?
> >>>>>>
> >>>>>> Antecipadamente grata,
> >>>>>> Com os melhores cumprimentos
> >>>>>> Susana Serrazina
> >>>>>> _______________________________________________
> >>>>>> QGIS-pt mailing list
> >>>>>> [hidden email]
> >>>>>> https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
> >>>>>>  
> >>>>> _______________________________________________
> >>>>> QGIS-pt mailing list
> >>>>> [hidden email]
> >>>>> https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
> >>>>>
> >>>>> _______________________________________________
> >>>>> QGIS-pt mailing list
> >>>>> [hidden email]
> >>>>> https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
> >>>>>  
> >>>> _______________________________________________
> >>>> QGIS-pt mailing list
> >>>> [hidden email]
> >>>> https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
> >>>>  
> >>> _______________________________________________
> >>> QGIS-pt mailing list
> >>> [hidden email]
> >>> https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
> >>>  
> >> _______________________________________________
> >> QGIS-pt mailing list
> >> [hidden email]
> >> https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
> >>  
> >
> >
> > --
> > Ricardo Pinho
> > _______________________________________________
> > QGIS-pt mailing list
> > [hidden email]
> > https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
> >  








  Roxo

--
---------------- Non luctari, ludare -------------------+ WYSIWYG
Fernando M. Roxo da Motta <[hidden email]>              | Editor?
Except where explicitly stated I speak on my own behalf.|  VI !!
                PU5RXO                                  | I see text,
------------ Quis custodiet ipsos custodes?-------------+ I get text!
 
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Re: Ajuda na alteração do sistema de coordenadas

Rui Cavaco-2
Bom dia!

A adopção de formatos mais apropriados para partilha de dados SIG, de facto, começa a ser urgente e, na generalidade, concordo com o Ricardo, embora me pareça poder ser cotraproducente proibir ou "demonizar" os formatos antigos.

Contudo, a adopção generalizada de um formato que imponha a definição "a priori" do sistema de coordenadas pode não resolver o problemas como o da Susana: para preencher o SRID é preciso que o autor dos dados saiba o que é um SRID (código do sistema de coordenadas) e qual o SRID correspondente ao sistema de coordenadas usado na recolha.

Assim, tão importante como as questões de adoção de formatos compatíveis com o RNID, ou ainda mais importante, é que as pessoas, ao produzirem / partilharem dados, tenham o hábito de registar e incluir nos ficheiros partilhados os metadados essenciais:
- autor
- data de produção dos dados
- escala de referência / nível de precisão
- sistema de coordenadas usado
- termos de licenciamento

A generalidade das pessoas igonora que, de acordo com o nosso direito, o facto de não ser indicado nenhum tipo de termos de licenciamento, ao partilhar um determinado conjunto de dados, isso torna esses dados legalmente impossíveis de usar sem o consentimento expresso do autor , seja qual for a finalidade. 

Abraços

Rui Cavaco



Fernando M. Roxo da Motta <[hidden email]> escreveu no dia quinta, 21/03/2019 à(s) 21:22:
On Tue, 19 Mar 2019 10:28:11 -0300, Alexandre de Paula
<[hidden email]> wrote:


> Não há razão para demonizar o formato shapefile. Esse formato tem suas
> limitações, mas foi muito útil, e para muitos continua sendo. Como
> tudo na área relacionada ao geoprocessamento, evoluções de formato
> ocorrem, mas nem por isso o que era bom até então passa a ser
> horrível.

  Concordo, nenhum formato é intrinsecamente bom ou ruim, principalmente
se levarmos em conta a época em que foi criado, os recursos então
disponíveis e todas as limitações da época.  (tá, alguns até podem
ser, mas não acho que seja o caso do shapefile.)

  Eu vejo três grandes problemas para uma mudança no formato usado para
armazenamento e trocas de informações georreferenciadas.

  Talvez um grande obstáculo seja o acervo de dados legados
disponíveis.  Muitos desses dados são até mesmo impossíveis de serem
reproduzidos.  Por exemplo em campanhas de geofísica de petróleo,
os pontos marcados no campo só existem durante a aquisição, depois
disso as marcas são removidas.   Muito desse acervo está disponível
somente em formato shapefile, muitos sem o arquivo .prj ou equivalente,
sendo necessário um trabalho manual para garantir a qualidade da
informação transformada.

  Um outro grande(maior?) obstáculo é cultural.   Quer pelo uso de
softwares legados, e não atualizados, que não têm suporte a outros
formatos, para ler ou gravar, quer pelo costume de só usar um "padrão"
bem conhecido e estabelecido.  Por vezes ensinar novos truques a
cachorros velhos (eu sou um, mas aprendo truques com certa facilidade.
😜 ) é uma tarefa ingrata.  Para piorar, muitas vezes são esses
"cachorros velhos" que vão treinar os novos cachorros que se juntam à
matilha, sedimentando ainda mais a cultura.

  O terceiro, que parece estar mudando em alguma extensão, é a prática
das empresas de software comercial de incentivarem ao uso de formatos
proprietários como prática de forçar a "fidelização".  Os formatos
abertos, em geral, são implementados de forma restrita, até mesmo como
politica de incentivo a esses formatos.

  Concordo quando se diz que os formadores de opinião, ou de
políticas/prática das instituições usuárias desses dados deveriam
incentivar o uso de novos formatos (p.e. geopackage) para a criação de
novos acervos em formatos abertos e de livre acesso para todos os
softwares.

  Talvez o caminho seja trabalhar justamente esses formadores de
opinião/políticas para que as mudanças sejam implementadas.


  Sds.

>
> Alexandre
>
> On Thu, Mar 14, 2019 at 4:19 PM Ricardo Pinho
> <[hidden email]> wrote:
>
> > Olá Susana,
> > Ao analisar a captura de ecra verifico que as coordenadas dos seus
> > dados são provavelmente WGS84: (ver anexo)
> > -9.0111,39.39.3839
> > E o problema está em, como disse, estar a atribuir às camadas o
> > EPSG:3763 (PT-TM06) quando elas são EPSG:4326 (WGS84).
> > Experimente atribuir às camadas o EPSG:4326.
> >
> > É por isso que é tempo de deixar de usar formatos obsoletos como o
> > shapefile, por não trazerem integrados nos dados o sistema de
> > coordenadas usado e evitar essas confusões. A alternativa é usar o
> > formato e a norma aberta nacional (RNID
> > <https://ansol.org/normasabertas/rnid>): Geopackage (gravar como no
> > QGIS). Um conselho que dou a todos, quando lhe fornecerem dados em
> > shapefile, *peça-os em geopackage*!
> > http://switchfromshapefile.org/#shapefileisbad
> >
> > Cumprimentos,
> > Ricardo Pinho
> >
> > Susana Serrazina <[hidden email]> escreveu no dia quinta,
> > 14/03/2019 à(s) 16:57:
> > 
> >> Olá,
> >> Segui os conselhos do Ricardo, e carreguei "no canto inferior
> >> direito da janela do QGIS, onde aparece EPSG:3857
> >> de modo a aceder à janela de configuração do SRC do projeto QGIS e
> >> escolher EPSG:3763. Assim está a dizer ao QGIS que quer visualizar
> >> os dados nesse SRC e ele vai transformar a camada Bing para esse
> >> SRC.", alterei as camadas vectoriais também para o mesmo sistema
> >> de coordenadas EPSG:3763 (devo fazê-lo, certo?), mas quando
> >> enquadro as camadas a camada bing aparece-me totalmente verde (ver
> >> figura no link).
> >>
> >> https://drive.google.com/open?id=1P0GZhpZ1wd6ngpNZg5dm1j8NRdeQrRnn
> >>
> >> A versão que estou a utilizar é a 3.4.5
> >>
> >> Obrigada!
> >>
> >> Cumprimentos
> >> Susana
> >>
> >> Em qui, 14 de mar de 2019 às 11:29, Pedro Venâncio < 
> >> [hidden email]> escreveu: 
> >> 
> >>> Olá Susana,
> >>>
> >>> De facto, faltam-nos aqui algumas informações para podermos
> >>> ajudar.
> >>>
> >>> 1) Que versão do QGIS está a utilizar? Por defeito, o QGIS 3 tem a
> >>> re-projeção on-the-fly ativa. Portanto, a menos que entre nas
> >>> propriedades do projeto e no separador CRS ative a opção "No
> >>> projection", a transformação on-the-fly está ativa.
> >>>
> >>> 2) Qual é a fonte da layer do Bing? Isto é importante porque,
> >>> normalmente, as layers de serviços como o Bing ou o Google, estão
> >>> no Sistema de Referência EPSG:3857 e não no EPSG:4326.
> >>>
> >>> Tendo estas informações, a única coisa com que tem de se
> >>> preocupar é: a) Definir o Sistema de Coordenadas que pretende
> >>> para o projeto QGIS (Project -> Properties -> CRS);
> >>> b) Indicar o Sistema de Coordenadas de cada uma das layers que tem
> >>> carregadas (Botão direito sobre o nome da layer -> Set CRS -> Set
> >>> layer CRS).
> >>>
> >>> Se estiver a usar o QGIS 2.x (totalmente desaconselhado neste
> >>> momento), o procedimento é ligeiramente diferente.
> >>>
> >>> Em todo o caso, se o problema que acontece é a layer do Bing não
> >>> ficar corretamente sobreposta à restante informação, eu apostaria
> >>> que será pelo facto de lhe estar a atribuir o EPSG:4326, em vez
> >>> do EPSG:3857.
> >>>
> >>> Cumprimentos,
> >>> Pedro Venâncio
> >>>
> >>>
> >>>
> >>> Susana Serrazina <[hidden email]> escreveu no dia quinta,
> >>> 14/03/2019 à(s) 11:06:
> >>> 
> >>>> Bom dia, e obrigada Bruno e Ricardo.
> >>>>
> >>>> De facto posso não me ter explicado muito bem.
> >>>> Eu altero o sistema de coordenadas como me indicam nas camadas
> >>>> vectoriais, mas quando tento no mapa bing não percebo como
> >>>> ativar a transformação on the fly.
> >>>> Nas propriedades da camada bing satélite não me aparece essa
> >>>> possibilidade.
> >>>>
> >>>> Cumprimentos,
> >>>> Susana
> >>>>
> >>>> Em qua, 13 de mar de 2019 às 20:29, Bruno Moreira < 
> >>>> [hidden email]> escreveu: 
> >>>> 
> >>>>> Boa noite! A minha resposta anterior foi muito “sucinta” pois
> >>>>> estava ao telemóvel. Contudo é como o Ricardo referiu.
> >>>>>
> >>>>> - um projecto do QGIS tem um sistema de coordenadas definido (é
> >>>>> o que aparece no canto inferior direito) que é o sistema no
> >>>>> qual a informação é visualizada;
> >>>>> - cada camada que se adiciona pode ter o seu sistema
> >>>>> específico; se for igual ao do projecto não acontece nada à
> >>>>> informação, se for diferente a informação é transformada em
> >>>>> tempo real (“on the fly”) pelo QGIS para o sistema de
> >>>>> coordenadas do projecto (desde que a opção esteja activada nas
> >>>>> definições do QGIS);
> >>>>> - pode-se transformar a informação de forma persistente (I.e.
> >>>>> criar um novo ficheiro com novo sistema de coordenadas);
> >>>>> algumas operações geo-espaciais requerem informação no mesmo
> >>>>> sistema de coordenadas, mas se é para visualizar apenas (penso
> >>>>> que é o caso) não é necessária a transformação persistente;
> >>>>> - transformar on-the-fly ou de forma persistente imagens raster
> >>>>> (compostas por pixels, como as fotografias aéreas) é mais
> >>>>> complicado que transformar camadas vectoriais, porque dará
> >>>>> origem a deformações nos pixels;
> >>>>> - as fotografias aéreas do BING, Google, etc. são servidas num
> >>>>> sistema de coordenadas global (WGS84) e transformar esta
> >>>>> informação para um sistema local como o português ETRS... dará
> >>>>> deformações e é desnecessário.
> >>>>>
> >>>>> Em síntese!
> >>>>>
> >>>>> 1) criar um projecto QGIS;
> >>>>> 2) inserir o mapa do BING (creio que estará a ser feito via
> >>>>> plugin, quick map services?);
> >>>>> 3) colocar o sistema de coordenadas do projecto em WGS84 (o do
> >>>>> mapa raster do BING);
> >>>>> 4) inserir a camada em ETRS...; com a transformação on the fly
> >>>>> do QGIS activada, a informação (vectorial) será convertida sem
> >>>>> problemas para WGS84.
> >>>>>
> >>>>> Cumprimentos,
> >>>>> Bruno Moreira.
> >>>>>
> >>>>> No dia 13/03/2019, às 20:12, Ricardo Pinho
> >>>>> <[hidden email]> escreveu:
> >>>>>
> >>>>> Bem-vinda Susana!
> >>>>> Sim claro que consegue fazer tudo o que imagina e muito mais
> >>>>> com o QGIS!!!
> >>>>> O QGIS permite fazer transformação de coordenadas em tempo real
> >>>>> (on-the fly) de modo a que diferentes camadas em diferentes
> >>>>> sistemas de coordenadas possam ser visualizadas devidamente
> >>>>> sobrepostas na janela de visualização do QGIS. Para tal apenas
> >>>>> tem de atribuir a cada camada o sistema de coordenadas correto,
> >>>>> em que cada uma delas foi produzida. Em alternativa o QGIS pode
> >>>>> transformar (na opção "gravar como") uma camada do sistema de
> >>>>> coordenadas em que foi produzido para outro que indicar nas
> >>>>> opções de gravar como. Para a comunidade poder ajudar é
> >>>>> necessário que faça um esforço para dar o máximo de informação
> >>>>> possível e minimizar o esforço que as pessoas dispostas a
> >>>>> ajudar têm que despender. Se seguir este principio lógico, será
> >>>>> mais fácil para todos. Cumprimentos,
> >>>>> Ricardo Pinho
> >>>>>
> >>>>> Susana Serrazina <[hidden email]> escreveu no dia quarta,
> >>>>> 13/03/2019 à(s) 17:55:
> >>>>> 
> >>>>>> Boa tarde,
> >>>>>>
> >>>>>> Acabei de me registar nesta lista de discussão. Sou utilizadora
> >>>>>> recente do qgis e estou com alguma dificuldade em sobrepor
> >>>>>> todas as camadas no mesmo sistema de coordenadas.
> >>>>>> Pretendo alterar o sistema de coordenadas WGS84 EPSG:4326 para
> >>>>>> ETR89/POrtugal TM06 EPSG:3763.
> >>>>>> Nas camadas vetoriais consigo fazer essa alteração sem qualquer
> >>>>>> problema a dificuldade está na imagem satélite da web bing.
> >>>>>> É possível fazê-lo? Quais os passos para essa alteração?
> >>>>>>
> >>>>>> Antecipadamente grata,
> >>>>>> Com os melhores cumprimentos
> >>>>>> Susana Serrazina
> >>>>>> _______________________________________________
> >>>>>> QGIS-pt mailing list
> >>>>>> [hidden email]
> >>>>>> https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
> >>>>>> 
> >>>>> _______________________________________________
> >>>>> QGIS-pt mailing list
> >>>>> [hidden email]
> >>>>> https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
> >>>>>
> >>>>> _______________________________________________
> >>>>> QGIS-pt mailing list
> >>>>> [hidden email]
> >>>>> https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
> >>>>> 
> >>>> _______________________________________________
> >>>> QGIS-pt mailing list
> >>>> [hidden email]
> >>>> https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
> >>>> 
> >>> _______________________________________________
> >>> QGIS-pt mailing list
> >>> [hidden email]
> >>> https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
> >>> 
> >> _______________________________________________
> >> QGIS-pt mailing list
> >> [hidden email]
> >> https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
> >> 
> >
> >
> > --
> > Ricardo Pinho
> > _______________________________________________
> > QGIS-pt mailing list
> > [hidden email]
> > https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
> > 








  Roxo

--
---------------- Non luctari, ludare -------------------+ WYSIWYG
Fernando M. Roxo da Motta <[hidden email]>              | Editor?
Except where explicitly stated I speak on my own behalf.|  VI !!
                PU5RXO                                  | I see text,
------------ Quis custodiet ipsos custodes?-------------+ I get text!

_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt

_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Re: Ajuda na alteração do sistema de coordenadas

Maria Jose de Almeida
Sou uma participante atenta, e normalmente passiva, desta lista onde aprendo sempre muito. Desta vez tenho que ativamente aplaudir esta chamada de atenção!
Incluir metadados e documentar a informação que produzimos é uma responsabilidade que todos devemos ter sob pena da produção de informação... servir para muito pouco além do fim imediato. 

Obrigada Rui Cavaco e obrigada a todos pela partilha de conhecimento nesta lista ☺

Maria José de Almeida



On Fri, 22 Mar 2019 at 09:29, Rui Cavaco <[hidden email]> wrote:
Bom dia!

A adopção de formatos mais apropriados para partilha de dados SIG, de facto, começa a ser urgente e, na generalidade, concordo com o Ricardo, embora me pareça poder ser cotraproducente proibir ou "demonizar" os formatos antigos.

Contudo, a adopção generalizada de um formato que imponha a definição "a priori" do sistema de coordenadas pode não resolver o problemas como o da Susana: para preencher o SRID é preciso que o autor dos dados saiba o que é um SRID (código do sistema de coordenadas) e qual o SRID correspondente ao sistema de coordenadas usado na recolha.

Assim, tão importante como as questões de adoção de formatos compatíveis com o RNID, ou ainda mais importante, é que as pessoas, ao produzirem / partilharem dados, tenham o hábito de registar e incluir nos ficheiros partilhados os metadados essenciais:
- autor
- data de produção dos dados
- escala de referência / nível de precisão
- sistema de coordenadas usado
- termos de licenciamento

A generalidade das pessoas igonora que, de acordo com o nosso direito, o facto de não ser indicado nenhum tipo de termos de licenciamento, ao partilhar um determinado conjunto de dados, isso torna esses dados legalmente impossíveis de usar sem o consentimento expresso do autor , seja qual for a finalidade. 

Abraços

Rui Cavaco



Fernando M. Roxo da Motta <[hidden email]> escreveu no dia quinta, 21/03/2019 à(s) 21:22:
On Tue, 19 Mar 2019 10:28:11 -0300, Alexandre de Paula
<[hidden email]> wrote:


> Não há razão para demonizar o formato shapefile. Esse formato tem suas
> limitações, mas foi muito útil, e para muitos continua sendo. Como
> tudo na área relacionada ao geoprocessamento, evoluções de formato
> ocorrem, mas nem por isso o que era bom até então passa a ser
> horrível.

  Concordo, nenhum formato é intrinsecamente bom ou ruim, principalmente
se levarmos em conta a época em que foi criado, os recursos então
disponíveis e todas as limitações da época.  (tá, alguns até podem
ser, mas não acho que seja o caso do shapefile.)

  Eu vejo três grandes problemas para uma mudança no formato usado para
armazenamento e trocas de informações georreferenciadas.

  Talvez um grande obstáculo seja o acervo de dados legados
disponíveis.  Muitos desses dados são até mesmo impossíveis de serem
reproduzidos.  Por exemplo em campanhas de geofísica de petróleo,
os pontos marcados no campo só existem durante a aquisição, depois
disso as marcas são removidas.   Muito desse acervo está disponível
somente em formato shapefile, muitos sem o arquivo .prj ou equivalente,
sendo necessário um trabalho manual para garantir a qualidade da
informação transformada.

  Um outro grande(maior?) obstáculo é cultural.   Quer pelo uso de
softwares legados, e não atualizados, que não têm suporte a outros
formatos, para ler ou gravar, quer pelo costume de só usar um "padrão"
bem conhecido e estabelecido.  Por vezes ensinar novos truques a
cachorros velhos (eu sou um, mas aprendo truques com certa facilidade.
😜 ) é uma tarefa ingrata.  Para piorar, muitas vezes são esses
"cachorros velhos" que vão treinar os novos cachorros que se juntam à
matilha, sedimentando ainda mais a cultura.

  O terceiro, que parece estar mudando em alguma extensão, é a prática
das empresas de software comercial de incentivarem ao uso de formatos
proprietários como prática de forçar a "fidelização".  Os formatos
abertos, em geral, são implementados de forma restrita, até mesmo como
politica de incentivo a esses formatos.

  Concordo quando se diz que os formadores de opinião, ou de
políticas/prática das instituições usuárias desses dados deveriam
incentivar o uso de novos formatos (p.e. geopackage) para a criação de
novos acervos em formatos abertos e de livre acesso para todos os
softwares.

  Talvez o caminho seja trabalhar justamente esses formadores de
opinião/políticas para que as mudanças sejam implementadas.


  Sds.

>
> Alexandre
>
> On Thu, Mar 14, 2019 at 4:19 PM Ricardo Pinho
> <[hidden email]> wrote:
>
> > Olá Susana,
> > Ao analisar a captura de ecra verifico que as coordenadas dos seus
> > dados são provavelmente WGS84: (ver anexo)
> > -9.0111,39.39.3839
> > E o problema está em, como disse, estar a atribuir às camadas o
> > EPSG:3763 (PT-TM06) quando elas são EPSG:4326 (WGS84).
> > Experimente atribuir às camadas o EPSG:4326.
> >
> > É por isso que é tempo de deixar de usar formatos obsoletos como o
> > shapefile, por não trazerem integrados nos dados o sistema de
> > coordenadas usado e evitar essas confusões. A alternativa é usar o
> > formato e a norma aberta nacional (RNID
> > <https://ansol.org/normasabertas/rnid>): Geopackage (gravar como no
> > QGIS). Um conselho que dou a todos, quando lhe fornecerem dados em
> > shapefile, *peça-os em geopackage*!
> > http://switchfromshapefile.org/#shapefileisbad
> >
> > Cumprimentos,
> > Ricardo Pinho
> >
> > Susana Serrazina <[hidden email]> escreveu no dia quinta,
> > 14/03/2019 à(s) 16:57:
> > 
> >> Olá,
> >> Segui os conselhos do Ricardo, e carreguei "no canto inferior
> >> direito da janela do QGIS, onde aparece EPSG:3857
> >> de modo a aceder à janela de configuração do SRC do projeto QGIS e
> >> escolher EPSG:3763. Assim está a dizer ao QGIS que quer visualizar
> >> os dados nesse SRC e ele vai transformar a camada Bing para esse
> >> SRC.", alterei as camadas vectoriais também para o mesmo sistema
> >> de coordenadas EPSG:3763 (devo fazê-lo, certo?), mas quando
> >> enquadro as camadas a camada bing aparece-me totalmente verde (ver
> >> figura no link).
> >>
> >> https://drive.google.com/open?id=1P0GZhpZ1wd6ngpNZg5dm1j8NRdeQrRnn
> >>
> >> A versão que estou a utilizar é a 3.4.5
> >>
> >> Obrigada!
> >>
> >> Cumprimentos
> >> Susana
> >>
> >> Em qui, 14 de mar de 2019 às 11:29, Pedro Venâncio < 
> >> [hidden email]> escreveu: 
> >> 
> >>> Olá Susana,
> >>>
> >>> De facto, faltam-nos aqui algumas informações para podermos
> >>> ajudar.
> >>>
> >>> 1) Que versão do QGIS está a utilizar? Por defeito, o QGIS 3 tem a
> >>> re-projeção on-the-fly ativa. Portanto, a menos que entre nas
> >>> propriedades do projeto e no separador CRS ative a opção "No
> >>> projection", a transformação on-the-fly está ativa.
> >>>
> >>> 2) Qual é a fonte da layer do Bing? Isto é importante porque,
> >>> normalmente, as layers de serviços como o Bing ou o Google, estão
> >>> no Sistema de Referência EPSG:3857 e não no EPSG:4326.
> >>>
> >>> Tendo estas informações, a única coisa com que tem de se
> >>> preocupar é: a) Definir o Sistema de Coordenadas que pretende
> >>> para o projeto QGIS (Project -> Properties -> CRS);
> >>> b) Indicar o Sistema de Coordenadas de cada uma das layers que tem
> >>> carregadas (Botão direito sobre o nome da layer -> Set CRS -> Set
> >>> layer CRS).
> >>>
> >>> Se estiver a usar o QGIS 2.x (totalmente desaconselhado neste
> >>> momento), o procedimento é ligeiramente diferente.
> >>>
> >>> Em todo o caso, se o problema que acontece é a layer do Bing não
> >>> ficar corretamente sobreposta à restante informação, eu apostaria
> >>> que será pelo facto de lhe estar a atribuir o EPSG:4326, em vez
> >>> do EPSG:3857.
> >>>
> >>> Cumprimentos,
> >>> Pedro Venâncio
> >>>
> >>>
> >>>
> >>> Susana Serrazina <[hidden email]> escreveu no dia quinta,
> >>> 14/03/2019 à(s) 11:06:
> >>> 
> >>>> Bom dia, e obrigada Bruno e Ricardo.
> >>>>
> >>>> De facto posso não me ter explicado muito bem.
> >>>> Eu altero o sistema de coordenadas como me indicam nas camadas
> >>>> vectoriais, mas quando tento no mapa bing não percebo como
> >>>> ativar a transformação on the fly.
> >>>> Nas propriedades da camada bing satélite não me aparece essa
> >>>> possibilidade.
> >>>>
> >>>> Cumprimentos,
> >>>> Susana
> >>>>
> >>>> Em qua, 13 de mar de 2019 às 20:29, Bruno Moreira < 
> >>>> [hidden email]> escreveu: 
> >>>> 
> >>>>> Boa noite! A minha resposta anterior foi muito “sucinta” pois
> >>>>> estava ao telemóvel. Contudo é como o Ricardo referiu.
> >>>>>
> >>>>> - um projecto do QGIS tem um sistema de coordenadas definido (é
> >>>>> o que aparece no canto inferior direito) que é o sistema no
> >>>>> qual a informação é visualizada;
> >>>>> - cada camada que se adiciona pode ter o seu sistema
> >>>>> específico; se for igual ao do projecto não acontece nada à
> >>>>> informação, se for diferente a informação é transformada em
> >>>>> tempo real (“on the fly”) pelo QGIS para o sistema de
> >>>>> coordenadas do projecto (desde que a opção esteja activada nas
> >>>>> definições do QGIS);
> >>>>> - pode-se transformar a informação de forma persistente (I.e.
> >>>>> criar um novo ficheiro com novo sistema de coordenadas);
> >>>>> algumas operações geo-espaciais requerem informação no mesmo
> >>>>> sistema de coordenadas, mas se é para visualizar apenas (penso
> >>>>> que é o caso) não é necessária a transformação persistente;
> >>>>> - transformar on-the-fly ou de forma persistente imagens raster
> >>>>> (compostas por pixels, como as fotografias aéreas) é mais
> >>>>> complicado que transformar camadas vectoriais, porque dará
> >>>>> origem a deformações nos pixels;
> >>>>> - as fotografias aéreas do BING, Google, etc. são servidas num
> >>>>> sistema de coordenadas global (WGS84) e transformar esta
> >>>>> informação para um sistema local como o português ETRS... dará
> >>>>> deformações e é desnecessário.
> >>>>>
> >>>>> Em síntese!
> >>>>>
> >>>>> 1) criar um projecto QGIS;
> >>>>> 2) inserir o mapa do BING (creio que estará a ser feito via
> >>>>> plugin, quick map services?);
> >>>>> 3) colocar o sistema de coordenadas do projecto em WGS84 (o do
> >>>>> mapa raster do BING);
> >>>>> 4) inserir a camada em ETRS...; com a transformação on the fly
> >>>>> do QGIS activada, a informação (vectorial) será convertida sem
> >>>>> problemas para WGS84.
> >>>>>
> >>>>> Cumprimentos,
> >>>>> Bruno Moreira.
> >>>>>
> >>>>> No dia 13/03/2019, às 20:12, Ricardo Pinho
> >>>>> <[hidden email]> escreveu:
> >>>>>
> >>>>> Bem-vinda Susana!
> >>>>> Sim claro que consegue fazer tudo o que imagina e muito mais
> >>>>> com o QGIS!!!
> >>>>> O QGIS permite fazer transformação de coordenadas em tempo real
> >>>>> (on-the fly) de modo a que diferentes camadas em diferentes
> >>>>> sistemas de coordenadas possam ser visualizadas devidamente
> >>>>> sobrepostas na janela de visualização do QGIS. Para tal apenas
> >>>>> tem de atribuir a cada camada o sistema de coordenadas correto,
> >>>>> em que cada uma delas foi produzida. Em alternativa o QGIS pode
> >>>>> transformar (na opção "gravar como") uma camada do sistema de
> >>>>> coordenadas em que foi produzido para outro que indicar nas
> >>>>> opções de gravar como. Para a comunidade poder ajudar é
> >>>>> necessário que faça um esforço para dar o máximo de informação
> >>>>> possível e minimizar o esforço que as pessoas dispostas a
> >>>>> ajudar têm que despender. Se seguir este principio lógico, será
> >>>>> mais fácil para todos. Cumprimentos,
> >>>>> Ricardo Pinho
> >>>>>
> >>>>> Susana Serrazina <[hidden email]> escreveu no dia quarta,
> >>>>> 13/03/2019 à(s) 17:55:
> >>>>> 
> >>>>>> Boa tarde,
> >>>>>>
> >>>>>> Acabei de me registar nesta lista de discussão. Sou utilizadora
> >>>>>> recente do qgis e estou com alguma dificuldade em sobrepor
> >>>>>> todas as camadas no mesmo sistema de coordenadas.
> >>>>>> Pretendo alterar o sistema de coordenadas WGS84 EPSG:4326 para
> >>>>>> ETR89/POrtugal TM06 EPSG:3763.
> >>>>>> Nas camadas vetoriais consigo fazer essa alteração sem qualquer
> >>>>>> problema a dificuldade está na imagem satélite da web bing.
> >>>>>> É possível fazê-lo? Quais os passos para essa alteração?
> >>>>>>
> >>>>>> Antecipadamente grata,
> >>>>>> Com os melhores cumprimentos
> >>>>>> Susana Serrazina
> >>>>>> _______________________________________________
> >>>>>> QGIS-pt mailing list
> >>>>>> [hidden email]
> >>>>>> https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
> >>>>>> 
> >>>>> _______________________________________________
> >>>>> QGIS-pt mailing list
> >>>>> [hidden email]
> >>>>> https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
> >>>>>
> >>>>> _______________________________________________
> >>>>> QGIS-pt mailing list
> >>>>> [hidden email]
> >>>>> https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
> >>>>> 
> >>>> _______________________________________________
> >>>> QGIS-pt mailing list
> >>>> [hidden email]
> >>>> https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
> >>>> 
> >>> _______________________________________________
> >>> QGIS-pt mailing list
> >>> [hidden email]
> >>> https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
> >>> 
> >> _______________________________________________
> >> QGIS-pt mailing list
> >> [hidden email]
> >> https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
> >> 
> >
> >
> > --
> > Ricardo Pinho
> > _______________________________________________
> > QGIS-pt mailing list
> > [hidden email]
> > https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
> > 








  Roxo

--
---------------- Non luctari, ludare -------------------+ WYSIWYG
Fernando M. Roxo da Motta <[hidden email]>              | Editor?
Except where explicitly stated I speak on my own behalf.|  VI !!
                PU5RXO                                  | I see text,
------------ Quis custodiet ipsos custodes?-------------+ I get text!

_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt
_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt

_______________________________________________
QGIS-pt mailing list
[hidden email]
https://lists.osgeo.org/mailman/listinfo/qgis-pt